domingo, 8 de fevereiro de 2009

Audiência e Repercussão de Tomá Lá Dá Cá


Primeiro Episódio
O piloto exibido em 2005 marcou uma audiência de 34 pontos e 58% de participação.

Primeira Temporada
O programa teve uma boa estréia e conseguiu liderar o Ibope no horário, sendo que no 1º episódio da primeira temporada obteve 31 pontos de média e 50% de participação, 8 pontos a mais que o último episódio de’ A Diarista’.

Já o 2º episódio teve uma queda de audiência onde a média foi de 26 pontos e no 3º episódio manteve esses índices. E o índice de audiência continuou a cair, pois no episódio do dia 4 de setembro marcou apenas 23 pontos de média, a mesma audiência que foi dada como pretexto para o fim da série ‘A Diarista’. A partir desse episódio, a audiência só caiu, atingindo no dia 2 de outubro 20 pontos, e no próximo episódio a série manteve os índices das semanas passadas. E graças ao baixo índice de audiência surgiram rumores de que a série poderia não ganhar uma segunda temporada. Apesar desses rumores a série ganhou uma 2ª temporada, as Terças-Feiras.

Segunda Temporada
Na estréia da segunda temporada, foram registrados 23 pontos, sendo que no episódio "A Greve da Carne" foi registrado 22 pontos de média, no episódio "A Importância de Ser Copélia" 23 pontos de média, em "Império sem sentidos" a série voltou ao patamar de 24 pontos de média.
Com o episódio "A ilha do dr. Ladir" marcou 21 pontos, sendo o índice também alcançado no episódio ‘A Terceira praga do Egito’. No dia 2 de dezembro com o episódio "Até que a Morte os Reúna" a série marcou 23 pontos, sendo líder isoladamente de audiência. E no dia 10 de Dezembro que foi exibido na quarta-feira graças a microssérie Capitu, o episódio "A grama do vizinho" obteve o seu recorde da segunda temporada, isto é, uma média de 29 pontos, índices alcançados pela série mais assistida da TV Globo e do país, ‘A Grande Família’ e maiores do que o Casseta e Planeta.

Prêmios
Prêmio Extra de Televisão
* Melhor Série de Televisão.
Prêmio Qualidade Brasil
* Melhor Atriz de Programa Humorístico - Alessandra Maestrini.

Nenhum comentário: